União política contra o aumento de energia

Reunião da bancada federal de Rondônia no gabinete do senador Acir Gurgacz

Bancada federal e deputados estaduais se uniram para rever reajuste

Mesmo sendo o governo o principal beneficiado com o reajuste da energia elétrica, os deputados federais, senadores e deputados estaduais montaram uma verdadeira coalisão para tentar frear a medida tomada pela Energisa (nova empresa que comanda a Eletrobrás) que resultou em um reajuste, segundo a própria empresa, de 25.34% no valor da conta.

Em discurso no Senado no início desta tarde, o Senador da República, Acir Gurgacz (PDT) solicitou apoio da casa contra o aumento no valor da tarifa. “Com uma promessa de melhorar o atendimento de energia elétrica quanto na zona rural, quanto na área urbana. Tivemos uma surpresa quando houve um aumento das contas da energia”, disse o Senador.

De acordo com as informações que Acir tem, o reajuste foi de 27.12%. “Pedimos a ajuda do Governo Federal para interceder junto à Eletronorte e a ANEEL para que seja revisto este aumento”, declarou. Em discurso, Acir disse que há várias representações políticas trabalhando para reverter essa situação. Ele ressaltou a participação da Assembleia Legislativa (ALE) e também dos deputados federais.

Em vídeo, o presidente da ALE-RO, Laerte Gomes (PSDB) representando todos os deputados disse que a casa de leis é contrária ao reajuste que taxou como abusivo. Ao lado da deputada federal, Silvia Cristina (PDT) Laerte reiterou apoio dos 24 deputados à causa. O futuro presidente da assembleia, Alex Redano (PRB) já havia se pronunciado dias atrás também contrário ao reajuste do valor.

Veja vídeo abaixo:

Acir cobra redução da tarifa de energia elétrica

Cobrei agora a tarde no plenário do Senado uma ação efetiva do governo federal na redução da tarifa de energia elétrica de Rondônia. Entendo que o aumento de até 27% na tarifa é um reflexo da privatização do sistema elétrico, mesmo que esse aumento não estivesse previsto nos acordos e contratos anunciados. Vamos continuar lutando na Justiça e na esfera política para reverter esse aumento.

Posted by Acir Gurgacz on Thursday, February 14, 2019