“Fura fila na saúde” é denunciado pelo Deputado Estadual Marcelo Cruz

Coiotes” ficam nos estacionamentos para furar a fila no atendimento da saúde, e preciso acabar com isso

O deputado estadual Marcelo Cruz (PTB) usou a tribuna na sessão ordinária desta terça-feira (12), para denunciar a existência de “fura-filas” nas unidades de saúde da Capital, que na visão do parlamentar, atrapalham o fluxo de atendimentos.

Cruz disse que chegou até o seu conhecimento, que mães ficaram mais de 12 horas, com os filhos nos braços, sendo medicadas no Pronto Socorro João Paulo II. “O secretário estadual de Saúde, Fernando Máximo, precisa percorrer essas unidades e verificar a real situação. Não podemos aceitar essa dura realidade”, afirmou.

O parlamentar denunciou a ação de “fura-filas”, chamados de “coiotes” por ele, que segundo denunciou, “ficam no estacionamento, nos arredores, agindo para furar a fila de atendimento, o que acaba prejudicando quem espera dias, meses e até anos para ser atendido no sistema público de saúde. Temos que acabar com isso”.


Detran

Segundo relatou o deputado, na semana passada, teve um breve encontro com a diretora adjunta do Detran, Benedita Aparecida, que relatou que a intenção dos deputados estaduais, em discutir as taxas praticadas pelo órgão, é bem aceita por ela e pela direção da autarquia.

“Fiquei feliz em saber disso. Ela me contou que o caixa do Detran, muitas vezes, ‘salva’ o Executivo. É o tapa-buraco do Governo, quando precisa de dinheiro. Mas, nós parlamentares estamos empenhados em baixar o valor abusivo dessas taxas. Temos que fazer um pente fino no Detran”, garantiu.

Texto: Eranildo Costa Luna – DECOM/ALE

Foto: Marcos Figueira